Investir em capacitação pode ser decisivo para o futuro do seu negócio

Investir em capacitação e em gestão de pessoas é investir no crescimento da empresa. Mesmo em períodos de recessão, quando muitos optam por “enxugar” o quadro, saber gerir e qualificar pessoal é um instrumento capaz de elevar a produtividade das equipes e garantir bons resultados.

Se você busca melhores soluções para sua empresa, já deve ter percebido que a gestão é imprescindível à condução de negócios. É a gestão que vai ajudar a decidir o que fazer para alcançar os resultados estipulados pelo planejamento estratégico. E para alcançar esses resultados, é preciso um sincronismo entre o estratégico, o gerencial e o operacional.

Pensando nisso, o mercado de trabalho exige, cada vez mais, profissionais capacitados em gestão com uma visão holística da prática de gestão em todos os níveis. Desde o planejamento até o gerenciamento da rotina. Desta forma, o profissional consegue contribuir para um resultado estratégico na empresa. Para desenvolver essa visão do processo é fundamental investir em qualificação profissional.

A capacitação em gestão é composta de cinco pilares que são práticas fundamentais na condução de um negócio. O primeiro é a gestão estratégica onde tudo começa. Em seguida a gestão de processos, de projetos, de pessoas e o modelo de gestão, que é o sistema de gestão da empresa que junta todos os esforços pra chegar a resultados.

De acordo com Cláudia Barbará, coordenadora e que aborda os cinco temas no Programa de Capacitação da PUC-Rio, é necessário qualificar profissionais nesses pilares para entender a visão integrada das práticas de gestão em todos os níveis de desempenho da empresa. Desde o estratégico até o operacional.

“O profissional quando se habilita em gestão nos cinco pilares, ele ganha a visão holística. Quando ele não tem essa visão, não percebe como vai contribuir para o resultado final. É o que mais acontece quando as empresas falham. Isso porque os profissionais ficam no gerenciamento da rotina, decidindo sobre coisas sem saber de fato como ele contribui para o resultado que vai fazer diferença no sucesso da instituição”, aponta Cláudia.

CAPACITAÇÃO EM GESTÃO de pessoas

Um colaborador motivado, segundo especialistas, além de perceber-se como uma peça chave para o sucesso do negócio, considera a capacitação uma via para alavancar a carreira profissional.

De olho em excelência, o empresário Marcelo Nóbrega, da Paladar Sertanejo, casa especializada me produtos regionais, decidiu investir em capacitação e consultoria em gestão de pessoas oferecidas pelo Sebrae-RN. A empresa potiguar, com 24 anos de atividade, emprega hoje 15 funcionários.

“Uma das nossas dificuldades era justamente pessoas. Muitos dos funcionários, mesmo com anos de casa, não tinham consciência do seu papel, do que deviam fazer e eu acabava concentrando muitas tarefas em mim, sobretudo o administrativo”, conta o empresário.

Em dois meses, com o curso, foram implementadas e aperfeiçoadas ferramentas como regimento interno da empresa, fluxograma de cada função de forma detalhada e o modelo de recrutamento com definição de função por habilidade. Outros projetos desenvolvidos, que otimizaram o trabalho e melhoram o clima dentro da empresa, envolvem delegar tarefas e identificar perfis de liderança a serem treinados para assumir funções de chefia.

Para Paulo Miranda, analista técnico do Sebrae-RN, “As pessoas precisam ser motivadas. Precisam estar no lugar certo de acordo com suas habilidades. As capacitações ensinam o empresário a fazer esta seleção, o que reflete diretamente no desempenho. As pessoas precisar estar alinhadas com o trabalho para produzir com mais eficiência.”

CAPACITAÇÕES PARA CADA MOMENTO DA EMPRESA

Paulo explica que o Sebrae oferece capacitações para momentos empresariais diferentes. Desde àqueles que pretendem empreender e abrir o negócio, os chamados potenciais empresários, aos que já possuem empresas, seja um microempreendedor individual (MEI) ou as empresas de pequeno porte. Atende desde empresas que buscam se formalizar e até empresas que buscam profissionalizar a gestão com capacitação e consultoria.

“Nós capacitamos, apoiamos e orientamos, mas o resultado depende de em quanto tempo o empresário irá profissionalizar a gestão. Temos exemplos de empresa que conseguir reduzir em 30% os custos, outras que conseguiram dobrar o faturamento. Os resultados são responsabilidade do empresário, isso é empreender”, afirma.

ALGUNS VIDEOS SOBRE O TEMA

A importância do investimento em treinamento para o desenvolvimento profissional – Tetê Barbeta [3 min]

Formação de pessoas não pode ser vista como custo – Mario Sérgio Cortella [5 min]

“F” de Formação – Max Gehringer [5 min]


FONTE: Administradores, Tribuna do Norte


 

Compartilhe!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.